POLÍCIA

Morador de rua morre em hospital de Campina Grande após ser espancado e queimado, na PB

Homem foi espancado e queimado no dia 4 de dezembro deste ano, em Itaporanga, no Sertão. Ele não resistiu e morreu na quarta-feira (11). Suspeito do crime foi preso, segundo a polícia.

Morador de rua morre em hospital de Campina Grande após ser espancado e queimado, na PB

Um morador de rua morreu na quarta-feira (11) no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde estava internado desde o dia 4 de dezembro deste ano, após ser espancado e queimado vivo na cidade de Itaporanga, no Sertão paraibano. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito do crime foi preso ainda no dia do crime.

Conforme o Hospital de Trauma de Campina Grande, Fabio Pedro da Silva deu entrada na unidade de saúde no dia 4 de dezembro, com ferimentos causados por espancamentos e queimaduras. A vítima estava internada na Unidade de Tratamento Intensivo, mas não resistiu e morreu na quarta-feira (11).

O site não conseguiu contato com o delegado responsável pelo caso, mas a Polícia Civil de Itaporanga informou que o suspeito do crime permanece preso à disposição da Justiça. O corpo de Fábio Pedro da Silva foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Campina Grande.

Outras Notícias

Pai e filho são presos suspeitos de atirar em mototaxista de Campina Grande
18/01/2019 13:13
Cidades

Pai e filho são presos suspeitos de atirar em mototaxista de Campina Grande

A dupla suspeita de cometer tentativa de homicídio a um mototaxista em frente ao Shopping Luiza Motta, em Campina Grande, foi presa na manhã desta sexta-feira (18). Eles se apresentaram à 6ª...

Leia mais
Operação Malhas da Lei prende 12 com tornozeleiras eletrônicas na Grande João Pessoa
10/12/2019 09:09
Cidades

Operação Malhas da Lei prende 12 com tornozeleiras eletrônicas na Grande João Pessoa

Foi deflagrada na manhã de hoje a Operação Malhas da Lei, pelas Polícias Militar, Civil e Secretaria de Administração Penitenciária. Até o momento, foram efetuadas 12 prisões dos 30 mandados de...

Leia mais

Comentários