Em meio à pandemia, prefeito de Sousa sanciona lei aumentando o próprio salário, dos vereadores, vice-prefeito e secretários

De acordo com a Lei publicada no Jornal Oficial da cidade, a lei foi aprovada pela Câmara Municipal e sancionada pelo prefeito. Os subsídios foram fixados para o período de 2021/2024.

blank

O prefeito de Sousa, Fábio Tyrone, sancionou a Lei nº 036/2020, em que aumenta o próprio salário, o do vice-prefeito, dos vereadores e secretários do município. O aumento acontece em meio à pandemia do Coronavírus, onde a cidade de Sousa registra 513 casos confirmados da doença.

De acordo com a Lei publicada no Jornal Oficial da cidade, a lei foi aprovada pela Câmara Municipal e sancionada pelo prefeito. Os subsídios foram fixados para o período de 2021/2024.

O subsídio do prefeito de Sousa foi fixado em R$ 19.946,52 e o do vice-prefeito, em R$9.973,26. Já o salário dos secretários ficou fixado em R$ 7.978,60, como também o do Procurador-Geral do município e o Tesoureiro.

Em relação aos vereadores, o salário é de R$ 10 mil e o presidente da Câmara Municipal, de R$ 15 mil.

A lei começa a valer no dia 1º de janeiro de 2021.

blank
blank
blank
blank

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui