Seis suspeitos de explosão a banco em Coremas são mortos em confronto com a PM

Seis homens suspeitos de terem participado da explosão à agência do Banco do Brasil em Coremas, na última quinta-feira (17).

blank

Seis homens suspeitos de terem participado da explosão à agência do Banco do Brasil em Coremas, na última quinta-feira (17), um dia antes da visita do presidente Jair Bolsonaro, foram mortos no início da tarde de hoje em um confronto que durou cerca de duas horas com homens do Grupamento Especializado de Operações em Área de Caatinga (GEOsAC) entre Emas e Catingueira, onde o bando estava escondido.

Com o auxílio do helicóptero Acauã da PM, os policiais que estavam em terra, eram conduzidos e orientados até chegar bem perto de cerca de oito homens se encontravam entrincheirados na mata. Dois conseguiram fugir.

Muitas armas de fogo foram encontradas no local e os malotes de dinheiro, fruto do assalto. Quatro fuzis, um revólver, três pistolas, duas espingardas, e grande quantidade de explosivos, estavam com o bando.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui