Embraer e EDP fecham parceria para avião elétrico

Segundo a fabricante de aviões, esse acordo é uma continuação do projeto de eletrificação aeronáutica iniciado em maio de 2019, quando a Embraer entrou em cooperação com a multinacional brasileira Weg, fabricante de motores elétricos

blank

AEmbraer e a EDP Brasil fecharam parceria para desenvolver pesquisas de um avião elétrico. A EDP, multinacional portuguesa do setor elétrico, fará o investimento para aquisição de uma tecnologia de armazenamento de energia e recarga do avião. O protótipo – uma aeronave de pequeno porte Ipanema 203, utilizada no segmento agrícola – já está em desenvolvimento e tem o primeiro voo previsto para 2021.

Com a parceria, as empresas vão estudar a aplicabilidade de baterias de alta tensão para o sistema de propulsão elétrico de um avião, além de avaliar suas principais características de operação, como peso, eficiência e qualidade de energia, controle e gerenciamento térmico, ciclagem de carregamento, descarregamento e segurança de operação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui