Capitão da PM que matou vizinho após discussão é absolvido em Júri popular

Sentença foi divulgada nesta quinta-feira (12). Cabe recurso.

blank

Foi absolvido durante Júri popular o capitão da Polícia Militar da Paraíba (PMPB) acusado de atirar e matar um vizinho após uma discussão com a vítima no prédio em que ambos moravam. A sentença foi anunciada nesta quinta-feira (12). O caso, contudo, aconteceu há quatro anos. A decisão foi do Tribunal do Júri de Cabedelo, por maioria de votos.

Segundo os jurados, está comprovada a autoria do crime por parte do policial, mas que o assassinato teria sido cometido em legítima defesa. O homem estava em liberdade, mas com a condição de usar tornozeleira eletrônica. Ele, contudo, foi liberado e não precisará continuar com o equipamento.

Ainda com relação ao crime, as imagens do homicídio foram gravadas em vídeo. Após agredir um idoso com um pedaço de madeira, o policial foi atrás da vítima fatal e atirou. O homicídio foi praticado no dia 31 de março de 2018, por volta das 22h. O homem ferido foi socorrido ao hospital, onde ficou cerca de 15 dias internado até não resistir.

A decisão ainda cabe recurso do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), mas o Ministério Público da Paraíba não havia se manifestado até a publicação desta matéria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui