TRE-PB cassa diplomas do prefeito e vice da cidade de Santana de Mangueira

Recursos foram relatados pelo juiz Arthur Monteiro Lins Fialho, que deu seu voto em harmonia com a Procuradoria Regional Eleitoral

blank

O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) julgou na quinta-feira (12) os recursos contra expedição de diploma e decidiu cassar os diplomas de Nerival Inácio de Queiroz e de Alciene Berto da Silva, que ocupavam os cargos de prefeito e vice-prefeita do município de Santana de Mangueira, respectivamente.

Os recursos foram relatados pelo juiz Arthur Monteiro Lins Fialho, que em seu voto, em harmonia com a Procuradoria Regional Eleitoral, julgou pelo provimento dos Recursos Contra a Expedição de Diploma (RCED) para cassar os diplomas “ante a incidência da inelegibilidade insculpida no art. 1º, I, ‘e’, item 1, da LC n. 64/1990, com a consequente realização de novas eleições no respectivo município, nos termos do art. 224, § 3º, do Código Eleitoral”.

O relator concluiu seu voto, afirmando quanto aos efeitos da decisão, que “deve-se observar o disposto no art. 216 do Código Eleitoral: ‘Enquanto o Tribunal Superior não decidir o recurso interposto contra a expedição do diploma, poderá o diplomado exercer o mandato em toda a sua plenitude’”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui