Em 1 semana, Paraíba registra mais de 3 mil novos casos de dengue, zika e chikungunya

Estado soma quase 30 mil diagnósticos prováveis desde o começo do ano.

blank

Em uma semana, a Paraíba registrou 3.255 novos casos de dengue, zika ou chikungunya, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES). O aumento de pessoas com arboviroses é observado por autoridades sanitárias que apontam quase 30 mil casos prováveis no estado entre os meses de janeiro e o início de junho deste ano.

De acordo com o boletim mais recente, quatro mortes provocadas por dengue e chikungunya foram confirmadas e outros 10 casos estão em investigação.

Entre os casos de zika, 601 diagnósticos foram anotados. Nesse índice, duas mulheres grávidas foram infectadas e são acompanhadas pela Secretaria de Saúde.

Para tentar diminuir o avanço de novos casos, na próxima segunda-feira (13), uma aula online será apresentada com informações sobre o manejo clínico das arborviroses. A atividade será transmitida às 14h pelo canal da ESP-PB no YouTube.

A qualificação será destinada preferencialmente a médicos e enfermeiros que atuam na atenção básica, considerando o aumento no número de casos das arboviroses – dengue, zika e chikungunya – em todo o estado.

Sala de Situação – A SES-PB ativou, no final do mês de maio, a Sala de Situação das Arboviroses em parceria com as Secretarias de Estado da Educação e Desenvolvimento Humano; Sudema; Corpo de Bombeiros; Polícia Militar; Defesa Civil; Escola de Saúde Pública (ESP-PB) e Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Paraíba (Cosems-PB). O objetivo é unir forças para criar estratégias efetivas de combate às arboviroses (dengue, chikungunya e zika).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui