TRE-PB alcança a 3ª posição no Ranking de Transparência do Poder Judiciário

Transparência é decisiva para o Prêmio concedido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

blank

No resultado preliminar divulgado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) figurou entre os três melhores na quinta edição do Ranking da Transparência do Poder Judiciário – 2022. No ranking da transparência, entre os tribunais da Justiça Eleitoral, o TRE-PB ocupa a terceira posição com um resultado de 98,46% de atendimento dos requisitos, empatando com Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) e o Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso (TRE-MT).

A segunda maior pontuação ficou com o Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP), obtendo uma pontuação de 99,49%, e a primeira colocação, com cumprimento de 100,00% dos critérios, foi dividida entre o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE-AL) e o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI).

Os critérios de avaliação e pontuação utilizados na quinta edição do Ranking da Transparência do Poder Judiciário – ano 2022 foram divulgados pela Portaria n. 106 de 31 de março de 2022.

O Ranking, instituído pela Resolução CNJ n. 260/2018, é realizado anualmente e busca valorizar os tribunais e conselhos que mais se destacam no fornecimento de informação de forma clara e organizada.

Os itens sob avaliação foram distribuídos em nove temas compostos por 84 perguntas, como por exemplo, se os órgãos publicam: os objetivos estratégicos, metas e indicadores; os levantamentos estatísticos sobre a atuação do órgão; o calendário das sessões colegiadas; a ata das sessões dos órgãos colegiados; o campo denominado “Serviço de Informações ao Cidadão” na página inicial; informações sobre licitações e contratos, entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui