Hospital Metropolitano celebra 500 altas hospitalares de pacientes curados da Covid-19

“São 500 histórias, 500 famílias, 500 vidas. Celebramos essa conquista por eles e por nós.

blank

“São 500 histórias, 500 famílias, 500 vidas. Celebramos essa conquista por eles e por nós. Todos vencemos”, expressou o diretor assistencial do Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, Gilberto Teodozio, com a marca alcançada pelas altas hospitalares dos pacientes curados da Covid-19, que receberam tratamento no Hospital Metropolitano e Hospital Solidário.

Na manhã desta quinta-feira (9), o aposentado Cleonildo Fidelis, 64 anos, da cidade de Mamanguape-PB, foi calorosamente saudado com músicas e palmas enquanto passava por um corredor formado pelos profissionais que contribuíram para sua recuperação. “Não consigo falar de tão emocionado. Não é só o remédio que cura uma pessoa, mas, também, o calor humano, e vocês são humanos, cuidaram de mim da melhor maneira. Estou muito feliz e agradecido”, declarou o ex-paciente.

O clínico geral Matheus Agra acompanhou o tratamento e foi responsável pela alta do aposentado. “O senhor Cleonildo já chegou em nossa unidade com o quadro avançado da doença, com saturação a 91%, além de ter comorbidades. Seu pré-estado de intubação exigiu da nossa equipe um esforço para sua recuperação e não agravamento da doença. Adotamos medidas de pronação e suporte ventilatório. Ele chegou a ser transferido para UTI, mas tão logo se recuperou. É um caso de sucesso, que nos orgulha, assim como cada paciente pelo qual dedicamos o nosso melhor”, afirmou.

De acordo com o diretor geral do Hospital Metropolitano, Antônio Pedrosa, o resultado atingido é fruto do empenho de toda equipe nos cuidados prestados aos pacientes. “Os nossos profissionais trabalham com muita dedicação, dando o aporte que nossos pacientes precisam e seguindo todos os protocolos. E resultados como estes revelam que a nossa atuação tem feito a diferença na saúde da população paraibana” concluiu.

O Hospital Metropolitano possui 54 leitos de Unidade de Terapia Intensiva exclusivos para tratamento da Covid-19, além de 31 leitos de enfermaria. Já o Hospital Solidário conta com 130 leitos de enfermaria, sendo estas unidades referência no Estado para tratamento da doença provocada pelo coronavírus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui