PF

Incra é alvo de operação da PF que apura desvio de recursos públicos em concessão de terras, na PB

Dois servidores do Incra tiveram o afastamento do cargo público decretado pela Justiça Federal; foi estimado um prejuízo superior a R$ 9 milhões, no período de janeiro de 2018 a maio de 2019.

Incra é alvo de operação da PF que apura desvio de recursos públicos em concessão de terras, na PB

A Polícia Federal cumpriu oito mandados de busca e apreensão, na manhã desta quarta-feira (13), na Paraíba, durante uma operação que investiga o desvio de recursos públicos em projetos de assentamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). A operação contou com participação da Controladoria-Geral da União (CGU) e Ministério Público Federal. A operação acontece nas cidades de João Pessoa, Araruna e Cuité.

A operação ‘Amigos do Rei’ teve início após a PF e CGU receber a informação anônima, de que um servidor, que ocupava o cargo de chefe-substituto da divisão de desenvolvimento da superintendência regional do Incra na Paraíba, com ciência do ex-superintendente substituto, estaria beneficiando familiares e amigos, no sentido de conceder lotes de terra, em assentamentos.

Os dois servidores tiveram o afastamento do cargo público decretado pela Justiça Federal, sendo um deles o ex-Superintendente substituto do órgão. A justiça federal decretou, ainda, o bloqueio de mais de R$ 148 mil das contas dos investigados. A sede do Incra, no bairros dos Estados, em João Pessoa, foi alvo da operação.

Conforme a PF, os investigados responderão pelos crimes de falsidade ideológica, inserção de dados falsos em sistema de informações e peculato, cujas penas, somadas, poderão alcançar mais de 20 anos de reclusão.

Segundo as investigações, além dos lotes, foi estimado um prejuízo superior a R$ 9 milhões, apenas no período de janeiro de 2018 a maio de 2019, para financiar o desenvolvimento das parcelas de terra.

De acordo com a PF, o nome da operação é uma alusão à forma ilícita de agir dos ex-gestores do Incra, no sentido de beneficiar familiares e amigos para obtenção de parcelas de terras e créditos.

Outras Notícias

Ex-diretor da cadeia de Rio Tinto é assassinado a tiros em calçada
05/11/2019 18:08
Cidades

Ex-diretor da cadeia de Rio Tinto é assassinado a tiros em calçada

O major Alberto Filho, comandante da 2ª CIPM, informou ao ClickPB que Josenildo estava afastado das funções no Sistema Penitenciário há oito anos.

Leia mais
Motorista fica ferido após bater em táxi e capotar na orla de JP
02/01/2019 11:59
Cidades

Motorista fica ferido após bater em táxi e capotar na orla de JP

Um homem ficou ferido na madrugada desta quarta-feira (2) após bater o carro na traseira de um táxi e capotar em seguida. O acidente aconteceu por volta das 3h, na Avenida Almirante de Tamandaré,...

Leia mais

Comentários